Forças da Transformação

Estamos nos estágios iniciais dessa transformação fundamental, marcando o que poderia ser uma das mudanças de rumo mais significativas na indústria de manufatura desde a Revolução Industrial. Entender as forças motrizes, seus impactos específicos e as oportunidades por elas criadas revela as raízes da transformação deste segmento e o futuro da vantagem competitiva.

São sete forças principais. Algumas delas já existem há algum tempo, enquanto que outras são mais recentes. Individualmente, qualquer uma dessas forças pode ser um problema. Juntas, elas são completamente transformadoras.

As empresas de manufatura mais visionárias já identificaram as forças que causarão o maior impacto em seus setores e estão começando a transformar seus processos de negócios para fazer uso de uma ou mais dessas forças, adotando modelos de negócios inteiramente novos para capitalizar com essa oportunidade.

Digitalização

Definição

A substituição de informações analógicas de produtos e serviços por uma representação virtual altamente precisa que pode ser facilmente utilizada ao longo da cadeia de valor (engenharia, chão de fábrica, serviços/manutenção).

Impacto transformador

Embora não seja uma nova força no mercado, a digitalização continua a ser um agente transformador na forma de competição de editores digitais, acomodação mais rápida de produtos e recursos mais novos que não apenas confirmam a adequação, mas de fato simulam o comportamento. Hoje, a demanda por modelos em CAD 3D e protótipos digitais está explodindo. As impressoras 3D agora constroem peças diretamente a partir de modelos digitais e estão indo além da prototipagem e se transformando na verdadeira manufatura aditiva. A utilização de modelos e simulações 3D ao longo do ciclo de vida dos serviços também está revolucionando a eficiência dos serviços, já que agora os técnicos de serviço podem ver as soluções que antes só conseguiam imaginar.

Ex. A College Park Industries, uma importante fabricante de dispositivos protéticos de alta tecnologia, usa modelos em CAD para simular a adequação a cada cliente e simulações 3D para avaliar o desempenho de seus produtos. Uma linha de produtos sozinha, a de pés Trustep, possui mais de 400.000 combinações viáveis que permitem ao pé ser fabricado de forma personalizada para cada pessoa. Usando modelos em CAD 3D, a College Park é capaz de simular e prever estresses e esforços em seus próprios modelos 3D, o que a permite descobrir modos de falha sem que seja necessário produzir protótipos físicos, o que economiza muitos meses nos cronogramas de design tradicionais.

Produto relacionado: PTC Creo

Globalização

Definição

O encolhimento geral do planeta proporcionado pela tecnologia que elimina as divisões econômicas e geográficas e abre as portas para novos mercados.

Impacto transformador

A mudança na demanda global por artigos manufaturados está acontecendo em ritmo acelerado. Um estudo recenteda McKinsey descobriu que as economias em desenvolvimento poderiam ser responsáveis por até 70% da demanda global por produtos manufaturados até 2025. Historicamente, grandes inovações foram realizadas individualmente por inventores brilhantes, como Eli Whitney ou Thomas Edison. Agora, a crescente demanda dos mercados globais e a sofisticação exponencialdos produtos requerem uma abordagem diferente. Para obter sucesso neste novo mundo, os trabalhadores globais devem colaborar de forma eficiente e contínua desde o conceito até o design, a manufatura e o serviço. A tecnologia está ajudando a eliminar essas fronteiras convencionais ao mesmo tempo que possibilita o acesso a esses novos mercados importantes.

Ex. A Agco, fabricante global de equipamentos agrícolas com 3.100 revendedores independentes em 140 países, estabeleceu a metade aumentar a qualidade e reduzir o tempo de lançamento de produtos no mercado. A Agco desenvolveu uma fonte única de verdade digital para dados de produtos para permitir uma transferência limpa da engenharia para manufatura e serviços através de uma equipe de design de produtos altamente distribuída. A transformação dos processos de negócios aumentou a reutilização dos designs de engenharia e aprimorou a eficiência do gerenciamento de mudanças, o que permitiu que a empresa atingisse seus objetivos de negócios.

Produto relacionado: PTC Windchill

Regulamentação

Definição

Imposição de regras governamentais, políticas de organizações não governamentais e padrões do setor relacionados a meio ambiente, saúde,segurança e negócios.

Impacto transformador

As indústrias de manufatura enfrentam uma variedade cada vez maior de requisitos regulatórios de diversas fontes –governos, ONGs e órgãos de padronização que impõem regras e procedimentos relacionados a meio ambiente, saúde, segurança e negócios. De fato, um estudo da Manufacturers Alliance for Productivity and Innovation (MAPI) concluiu que os custos causados por regulamentações significativas excederam em muito o crescimento econômico, em especial o crescimento do setor de manufatura, e estima que 2183 regulamentações diferentes foram impostas às indústrias do segmento nos últimos 30 anos. Os processos manuais não são apenas lentos e demorados, mas também podem deixar as empresas expostas a esses novos requisitos regulatórios.

Ex. A Motorola Mobility é uma importante desenvolvedora de dispositivos móveis e fabricante de 50.000 produtos que contêm 300.000 peças provenientes de mais de 4.000 fornecedores. Nos EUA, a Comissão de Valores Mobiliários exigirá que as empresas com ações em bolsa auditem o uso de “minérios deconflito” provenientes da República Democrática do Congo. A Motorola Mobility está implementando um programa de diligência para identificar e rastrear minérios de conflito em sua cadeia de suprimentos ao realizar o upgrade de suas soluções de TI para lidar com gerenciamento e relatórios de minérios de conflito. A Motorola diferencia sua marca via responsabilidade social corporativa. Através desses programas e investimentos, está fazendo a coisa certa não apenas para a sociedade, mas também para seus acionistas.

Produto relacionado: PTC Windchill

Personalização

Definição

Adaptar de forma eficiente produtos e serviços para acomodar preferências regionais e pessoais.

Impacto transformador

Produtos padronizados produzidos com eficiência não são mais suficientes para sustentar a vantagem competitiva. De fato, 57% dos executivos de nível C em um estudo da Oxford Economics identificaram a fragmentação das expectativas dos clientes e da demanda como uma importante preocupação, a qual requer formas dimensionáveis de atender às essas necessidades fragmentadas dos clientes. O objetivo é a diversidade com escala, a qual começa com a variabilidade regional de mercado e amadurece para a variabilidade pessoal. Além da expansão eficiente para novos mercados, alguns benefícios não antecipados estão emergindo da variabilidade dos produtos, como a inovação reversa. Uma nova oferta criada para atender às necessidades exclusivas de um mercado emergente pode ser fornecida como uma nova oferta de baixo custo no mundo inteiro – até mesmo em mercados desenvolvidos.

Ex. Em 2002, a GE inovou com um scanner de ultrassom portátil, fácil de usar e de baixíssimo custo que visava lidar com as necessidades únicas de mercado da China rural. Hoje, a máquina de ultrassom portátil é o motor de crescimento dos negócios de ultrassom da GE na China. No entanto, é ainda mais significativo o crescimento vertiginoso das vendas mundiais de produtos de ultrassom portáteis entre 2002 e 2011, de US$ 5 milhões para cerca de US$ 280 milhões – uma taxa de crescimento anual composta média de aproximadamente 50%. Essas máquinas de ultrassom portáteis foram desenvolvidas originalmente para mercados emergentes e agora estão sendo vendidas nos Estados Unidos, onde novos usos para elas estão sendo aplicados.

Produto relacionado: PTC Windchill

Produtos com uso intensivo de software

Definição

Sistemas integrados de hardware e software capazes de promover uma sofisticada interação homem-máquina, diagnósticos e captura de dados de serviços, com valor adicional fornecido por meio de aperfeiçoamentos.

Impacto transformador

Em uma edição de 2011 do Wall Street Journal, Marc Andreessen afirmou que o “software está devorando o mundo” e descreveu como indústrias após indústrias estão sendo afetadas por ele. Esse efeito requer que cada uma das empresas acrescente desenvolvimento de software e inovação à sua lista de competências básicas tradicionais. Para os fabricantes, esses produtos inteligentes com o uso intensivo de software utilizam sensores integrados que permitem que os produtos coletem, compartilhem e analisem dados no contexto ou estado relevante. O software também possibilita a personalização e adapta o produto às necessidades dos consumidores e de cada situação com base em dados de sensores, aprendizagem da máquina e interface digital com o usuário.

Ex. A Continental, uma das principais fornecedoras globais de autopeças, com mais de 120.000 funcionários no mundo inteiro, agora possui mais engenheiros de software do que engenheiros mecânicos em alguns departamentos. Esses sistemas componentes que fazem uso intensivo de software fornecidos a OEMs do setor, como sistemas de limpadores de para-brisa ou sistemas relacionados ao controle das janelas, enviam um sinal para o sistema de limpadores quando chove e ajustam a velocidadedos limpadores em função do volume de chuva. Através desses mesmos sensores, os OEMs podem usar essa informação para determinar quando as janelas dos passageiros, o teto solar ou a capota conversível devem ser fechados para evitar danos causados pela água no interior do veículo.

Conectividade

Definição

Rede disseminada de “coisas” – muitas vezes móveis – com sensores integrados e endereçáveis individualmente para possibilitar monitoramento, controle e comunicação sofisticados.

Impacto transformador

Os produtos inteligentes estão se tornando cada vez mais conectados – a nós, uns aos outros e ao fabricante. De acordo com a Cisco, o número de dispositivos conectados à Internet chegou a 8,7 bilhões em 2012.A conectividade permite que os fabricantes monitorem, controlem e mantenham seus produtos, comecem a coletar grandes volumes de dados de utilização para entender como seus produtos estão sendo usados, aprendam a fazer a manutenção e saibam como melhor entregar valor ao longo da vida útil do produto. Essas capacidades estão acelerando a migração do valor que é proporcionado pelos aspectos físicos do produto para os aspectos digitais de software, criando novas oportunidades para diferenciação. No entanto,a conectividade também aumenta os requisitos de infraestrutura e capacidade, bem como as vulnerabilidades e os riscos de segurança cibernéticos.

Ex. A Schneider Electric fabrica equipamentos de distribuição de energia elétrica, controle industrial e automação. Surpreendentemente, os edifícios respondem por cerca de 40% do consumo global de energia elétrica, mas conectar iluminação, aquecimento e refrigeração, TI e segurança em um único sistema pode aprimorar enormemente a eficiência. Abordagens integradas, como aquelas proporcionadas pela Schneider Electric, podem reduzir o consumo de energia em 30%, diminuir os custos de capital e as despesas operacionais e melhorar o desempenho global dos negócios.

Servitização

Definição

Mudança fundamental nos modelos de negócios na qual os produtos evoluem para “pacotes” integrados de serviços capazes de proporcionar novos valores continuamente ao longo do ciclo de vida da experiência do cliente.

Impacto transformador

Enquanto o termo “servitização” em um contexto de manufatura é associado a Vandermerwe e Rada (1988), a convergência de forças criou um novo imperativo para essa mudança nos modelos de negócios. Produtos e serviços serão combinados para formar novos sistemas de valor que serão consumidos mais comumente na forma de um serviço por demanda, transferindo a propriedade e o risco do cliente para o fabricante. Essa mudança começa com o gerenciamento e a entrega efetivos de serviços de suporte pós-vendas, seguidos por produtos na forma de pacotes com garantia e, finalmente por contratos de serviço baseados em desempenho. No entanto, criar e migrar para o modelo de negócios correto com o objetivo de criar um negócio bem-sucedido de produto como serviço está longe de ser uma tarefa fácil.

Ex. A Ingersoll Rand é uma empresa de US$ 14 bilhões que fornece produtos e serviços para criar ambientes seguros, confortáveis e eficientes. Ela possui 30.000 funcionários, incluindo 2.000 profissionais de serviços. A divisão Trane de sistemas de aquecimento/ar condicionado, uma de suas unidades de negócios, é um exemplo de empresa que lidera o caminho rumo a modelos de negócios inteiramente novos – vender “conforto predial” como um serviço. Cerca de 30% do faturamento da Trane hoje é proveniente desse novo modelo.

Produto relacionado: PTC Arbortext